Dica do Professor 08 – Planos de Enquadramento

Bem-vindos a mais uma Dica do Professor! Hoje continuaremos a falar de quadrinhos: os planos de enquadramento são os ângulos de câmera, recortes que usamos para mostrar uma imagem, daí a própria ideia de “enquadrar”. Fotografias, cinema, televisão, páginas de quadrinhos, enfim, todos os meios que envolvem narrativa visual empregam os mesmos planos de enquadramento que vamos discutir hoje.

Página de Nightingale  Vitor Gorino  2013 East India Press

Página de Nightingale
Vitor Gorino
2013
East India Press

A página de HQ acima dá exemplos diversificados de enquadramento. Cada quadro pretende narrar visualmente um momento ou passagem da história que se quer contar. Assim escolher o enquadramento significa, primeiramente, mostrar o que precisa ser mostrado para a história ser entendida. Observe o diagrama:

Arte_02

Além disso, cada enquadramento pode oferecer recursos para potencializar ou destacar algo que está sendo mostrado. No quadro número 2, notamos que também é possível utilizar o plano detalhe para partes do corpo. No exemplo do diagrama acima (plano detalhe dos olhos) podemos destacar sutilezas de expressões faciais através da proximidade da câmera com o olhar do personagem.

Planos de enquadramento incluem também movimentos e variações na altura da câmera. Podemos ter, por exemplo, um plano médio com câmera baixa:

Looper  (Filme – 2012) Ryan Johnson

Looper (Filme – 2012)
Ryan Johnson

As aplicações e variações são muitas. Para nossa dica ainda resta examinar outros enquadramentos muito aplicados em narrativas visuais.

Plano de Conjunto:
Mostra um grupo de personagens, a altura dos cortes pode variar, dependendo do que precisa ser mostrado.

Os homens que encaravam as cabras  (Filme – 2009) Grant Heslov.

Os homens que encaravam as cabras (Filme – 2009)
Grant Heslov.

Plano Americano:
Mostra a figura até a linha da cintura ou até os joelhos. Tradicional nos filmes de faroeste por permitir que no mesmo quadro, vejamos as expressões faciais do personagem ao sacar sua arma.

 Por um punhado de dólares  (Filme – 1964) Sergio Leone

Por um punhado de dólares (Filme – 1964)
Sergio Leone

 Plano Sequência:
Narra uma ação sem cortes, em movimento contínuo. Veja este trailer do filme Gravidade, de Alfonso Cuarón (2013).

Estamos discutindo aqui semana a semana, ferramentas para conhecer, entender e produzir narrativas visuais. Então, usem-nas! Assistam seus filmes frequentem exposições e leiam seus quadrinhos. Observem como as histórias estão sendo contadas através de imagens e tente contar as suas próprias. E lembrem-se que em arte não gostamos do termo regras. Preferimos muito mais maneiras de se fazer. Qual é a sua preferida? Acompanhem nosso blog e sigam-nos no Facebook para mais dicas. Abraço a todos, e até a semana que vem!

Vitor Gorino.

...Shares
Esta entrada foi publicada em Dica do Professor e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta