Paraíso Perdido

Vivemos em um momento interessante na publicação de quadrinhos no Brasil. Em meio à crise econômica, editoras resolveram publicar quadrinhos em menor tiragem mas com qualidade às vezes melhor do que em seu país de origem. Os maiores exemplos são a Pipoca & Nanquim e a Darkside Books.

Falamos sobre Moby Dick da Pipoca e Nanquim e hoje falaremos sobre Paraiso Perdido da Darkside.

Depois de publicar quadrinhos como Meu Amigo Dahmer e Black Hole, a Darkside chega a seu melhor momento com a publicação de Paraíso Perdido, uma adoração do poema clássico de John Milton pelo espanhol Pablo Auladell.

O poema épico de Milton trata da revolta do anjo Lucifer e suas consequências para a criação da humanidade, do pecado e da morte. Originalmente publicado em 1667 este clássico da literatura é comumente celebrado pela criação da figura do anti-herói.

O anjo caído acaba parecendo para alguns um herói trágico ao invés do antagonista. Cabe ao leitor da adaptação em quadrinhos opinar se esta versão deixa passar esta mesma impressão.

A adaptação de Auladell, que usa o poema em sua forma original e na íntegra se diferencia pela arte. As grandes influências na ilustração parecem ser pintores como William Blake e Bosch.

Para os leitores habituais a experiência de ler Paraíso Perdido se diferencia pela arte sem igual. Para os leitores ocasionais é uma versão lindíssima de um clássico para conhecer e apreciar.

 

...Shares
Publicado em Noticias | Deixar um comentário

Moby Dick

Em 1820, o navio baleeiro Essex foi afundado por um enfurecido cachalote quando estava a 3.700 quilômetros da costa ocidental da América do Sul, no Oceano Pacífico. Em 1851, inspirado pelo ataque de baleia mais marcante da história, Herman Melville utilizou o evento  como base para seu romance Moby-Dick.  Através dos anos, o conto seminal da navegação escrito por Melville inspirou incontáveis versões por meio de histórias, músicas, filmes, animações e quadrinhos. O artista francês Christophe Chabouté entra em cena nessa longa linhagem de variadas interpretações através de um trabalho belamente ilustrado e fiel ao espírito da mais obstinada caçada da literatura com a HQ Moby Dick, publicada no Brasil pela Pipoca e Nanquim em um belo volume de capa dura com 256 páginas. Vale destacar o excelente trabalho de adaptação e editoração da versão brasileira. Continue lendo

...Shares
Publicado em Noticias | Deixar um comentário

A Turma 5 de Ilustração de Mercado se formou!

Parabéns a todos vocês!

Foram muitos projetos, briefings, debates, puxões de orelha e, acima de tudo, muito aprendizado.

Uma etapa muito importante foi concluída, mas ainda marca o início da jornada profissional.

Desejamos a vocês muito sucesso nos novos desafios! A exposição de conclusão de curso já pode ser apreciada na escola e aqui também!

 

JÁ TEM EXPERIÊNCIA COM DESENHO E QUER FAZER PARTE DA PRÓXIMA TURMA?

As inscrições estão abertas para o processo seletivo da Turma 6, com início em abril!

Agende sua avaliação de portfolio pelo e-mail atendimento@escolapandora.com.br ou pelo telefone 19 3234-4443

Para saber mais sobre o curso, ACESSE AQUI!

 

...Shares
Publicado em Noticias | Com a tag , , | Deixar um comentário

Conseguimos!!

Cada dia de estudo, cada noite mal dormida, cada “não consigo”, se tornaram “EU CONSEGUI!!!”

Parabéns galera, passaram no vestibular 🙂
#ArteSe #vestibular

Conseguimos

...Shares
Publicado em Noticias | Deixar um comentário

Parabéns!

Uhuuu!! Olha só quantos alunos passaram no vestibular neste ano!! Parabéns!!!

Alicia Toledo Potenza – Arquitetura – USF

Bia Carvalho Costa Santos – Arquitetura – PUC

Mariana Oliveira – Arquitetura – PUC

Debora Panzarin Aoki – Arquitetura – USP

Laura Andreli Figueiredo – Arquitetura – UNESP

Julia Pighini Bonavita – Arquitetura – PUC

Beatriz Massarelli – Artes Visuais – PUC / Belas Artes

Bruno Fontolan Silveira – Arquitetura – PUC

Kenzo Furumoto de Oliveira – Arquitetura – UNESP

Jade Celestino de Oliveira – Arquitetura – UNESP

Carolina Meira Haach – Arquitetura – UNESP

Giovanna Batista Gonçalves Melo – Arquitetura – PUC

Vanessa de Oliveira Vianna Zaccarias – Arquitetura – PUC

Sofia da Luz Castilho – Arquitetura – PUC

Isabela Guimarães Slywitch – Arquitetura – PUC/ UNESP

Maria Luiza Mardegan Igarashi – Arquitetura – PUC

Tamires Mayumi Ishiko – Arquitetura – PUC/ UNESP

Gabriel Basso Mendes Silva – Arquitetura – PUC

Rogerio Prado Murijo – Design – UNESP

Ana Carolina Pelicer – Arquitetura – PUC

Camila Valbert – Arquitetura – PUC

Carolina Xavier Pinto de Souza – Arquitetura – PUC

Ivo Lage Lamas – Arquitetura – PUC

Larissa Namie Higa – Arquitetura – PUC

Laura Maria Martins – Arquitetura – PUC/ UNESP

Luiza Simionatto Budahazi – Arquitetura – PUC

Marina Trotti Veronezzi – Arquitetura – PUC

Julia Marchioretto – Arquitetura – PUC/ UNESP

Nicolle Gorayb Correa – Arquitetura – PUC

Hiago Jose Ferreira Gaspari – Artes Visuais – PUC

...Shares
Publicado em Noticias | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Kirby é 100!

Capa

2017 marca o centenário de um gigante cósmico da narrativa gráfica: Jack Kirby. Se ainda estivesse entre nós, ele muito provavelmente não apenas faria uma dobradinha com Stan Lee em participações especiais nos filmes baseados em personagens da Marvel comics, mas também apareceria nos filmes da concorrente DC Comics, já que algumas de suas criações são pilares fundamentais também desse universo fictício.

Continue lendo

...Shares
Publicado em Noticias | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Dia do Artista Plástico

No dia 8 de maio é comemorado em todo Brasil o Dia do Artista Plástico. Oficializada em 1950, a data remete ao nascimento do pintor José Ferraz de Almeida Junior, personagem fundamental no desenvolvimento da arte em nosso País.

Nascido em 1850 em Itu, no interior paulista, Almeida Junior ficou conhecido como o primeiro artista plástico brasileiro a retratar nas telas o homem do povo em suas tarefas cotidianas. Passou pela Academia Imperial de Belas Artes no Rio de Janeiro, pela Ècole de Beaux Arts de Paris e fez sua primeira mostra individual no Brasil em 1892.

De forma trágica, a vida do artista foi interrompida precocemente quando, aos 44 anos, foi morto por José de Almeida Sampaio, seu primo e marido de Maria Laura do Amaral Gurgel, com quem o pintor manteve um caso amoroso por vários anos. Entre suas obras, destacam-se: As Lavadeiras (1875), Caipira Picando Fumo (1893), Amolação Interrompida (1894), A Partida da Monção (1894) e Violeiro (1899).

Conheça a História da Arte Brasileira! Mais informações AQUI!!

...Shares
Publicado em Noticias | Com a tag , , | Deixar um comentário